7 plataformas para fazer webinar na sua comunidade

digital ferramentas gestão
carreira em comunidade

 

Neste artigo vamos te ensinar o que é webinar, te mostrar 7 plataformas pra já fazer acontecer e te ajudar a escolher a mais apropriada para sua comunidade. Bora aprender?

 

  • O que é webinar?

 

O termo webinar vem da junção das palavras inglesas web (a parte visual da internet) e seminar (seminário).

 

Webinar é uma palestra, ou aula, em formato de seminário, oferecida através da internet. 

 

A prática normalmente acontece por meio de uma plataforma de um streaming de vídeo ao vivo na qual apenas o transmissor fala. 

 

 

 

 


Como criar eventos virtuais que engajem seus membros

 

 

Os espectadores podem interagir entre si e com o interlocutor por meio do bate-papo. 

 

De uma forma geral, o webinar é realizado através de um software específico, ou de um site destinado a essa finalidade, e conta também com um chat para que os participantes possam se comunicar e enviar perguntas ao palestrante. 



  • 7 PLATAFORMAS  PARA FAZER WEBINAR



São elas:

 


1. Facebook

 

 

O Facebook possui uma ferramenta de transmissão de vídeos ao vivo para os usuários que pode também ser usada para fazer webinars. 

 

A vantagem da rede social é sua popularidade, o que ajuda a atrair o público sem que ele precise aprender a usar uma nova ferramenta. 

 

Além disso, os usuários do site podem convidar amigos específicos para assistirem aos vídeos ao vivo.

 

 

2. YouTube

 

 

Da mesma forma que o Facebook, a ferramenta de transmissão ao vivo da plataforma de vídeos do Google também pode ser usada para webinars. 

 

A grande vantagem do recurso é a possibilidade de monetizar o conteúdo, mas ações mais complexas, como mudanças de câmeras ou alternação de tela do dispositivo precisam ser controladas com aplicativos externos, o que torna mais complexo.

 

O Youtube conta com um recurso gamer (YouTube Gaming), uma espécie de portal com informações sobre jogos e que permite aos usuários fazer gameplays em livestream ─ esse recurso permite que os jogadores façam transmissões ao vivo de seus jogos online. Top demais né?



E ah, todo mundo tem YT no celular, né? ;)

 

 

3. Skype

 

 

O aplicativo da Microsoft permite chamadas de vídeo com várias pessoas em uma mesma sala de bate-papo. 

 

A versão paga do Skype pago permite o compartilhamento de telas e conversas protegidas por criptografia. 

 

Já a versão gratuita dá direito a reunião de até 10 pessoas em uma chamada de vídeo.

 

Com ela, é possível minimizar a tela do aplicativo e continuar realizando tarefas em seu dispositivo ao mesmo tempo que vê e ouve o interlocutor. 

 

Para ambas as versões, entretanto, é necessário ter o app instalado e ser convidado para a conversa em grupo, o que pode limitar os eventos maiores.

 

 

4. 99 Webinar

 

 

A 99 Webinar é uma ferramenta brasileira. 

 

Qualquer tipo de dúvida ou problema pode ser resolvido por meio de um suporte 100% em português, o que é bem interessante para nós brasileiros. 

 

A ferramenta é extremamente intuitiva e conta com um design limpo e amigável, proporcionando uma experiência simples e eficiente. 

 

O responsável pelo webinar tem a chance de moderar as interações e exibir apenas as que deseja.

 

A ferramenta é paga e conta com dois planos. 

 

O mensal custa R$75,00, enquanto o anual pode ser adquirido à vista, por R$633,00. 

 

 

5. Zoom

 

O Zoom ficou bem famoso durante a pandemia. Desde 2020 até os dias de hoje ele é uma das principais ferramentas quando o assunto é reunião online.

 

 

Trata-se de uma ferramenta leve, fácil de usar e que oferece recursos completos para os diferentes tipos de comunicação à distância, incluindo os webinar. 

 

Com vídeo e áudio em HD e possibilidade de se integrar com outras plataformas e redes sociais, o Zoom permite que você engaje uma audiência de até 50.000 pessoas.

 

O moderador de seus eventos tem o poder de selecionar até 100 pessoas para participarem da reunião, fornecendo conexão via áudio e vídeo para que eles melhor engajem com o conteúdo.

 

E se você ainda está começando nessa área e não se sente seguro para operar sozinho um webinar, o Zoom oferece assistência técnica antes, durante e depois dos seus eventos. 

 

Essa plataforma também tem a opção gratuita e a opção paga. 

 

O plano gratuito só é possível fazer videoconferências de no máximo 40 minutos. 

 

A vantagem é que você não tem limite de chamadas de vídeo por dia e nem restrição de tempo para ligações entre duas pessoas.



6. Twitch

 

 

O Twitch é uma das plataformas de transmissão mais usadas do mundo. 

 

Voltado para games, o site oferece sala de bate-papo e opções de monetização para os apresentadores. 

 

 


Saiba tudo sobre as Comunidades de Jogos Online (ou Comunidades Gamers)

 

 

Como desvantagem, exige o uso de outras ferramentas para controlar o streaming. Recentemente, o site foi comprado pelo Google.

 

 

7. GoToWebinar

 

 

O GoToWebinar é um dos líderes do mercado de eventos online, pois a ferramenta é completa e tem uma usabilidade acessível mesmo para os inexperientes. 

 

Com uma funcionalidade que permite agendar e gerenciar webinars, o programa favorece sua organização.

 

Algo que chama atenção no GoToWebinar é a capacidade de divulgação que a plataforma oferece aos assinantes. 

 

É possível personalizar os materiais dos vídeos para refletir a identidade visual da marca, fator essencial para um branding de sucesso.

 

O time de marketing também pode se beneficiar das perguntas que podem ser pré-configuradas para coletar dados dos espectadores. 

 

Essa prática é muito útil para compreender melhor o seu público.

 

Também é possível gravar os eventos para disponibilizá-los em outros canais.

 

 

  • Como escolher a ferramenta para webinar adequada?

 

 

Vamos te mostrar 3 fatores importantes para você considerar durante a escolha da sua ferramenta.

 

1. Segurança

 

Confira a política de dados das diferentes opções e priorize as que garantam a proteção contra vazamentos e acessos indevidos.

 

2. Qualidade de transmissão

 

Compare as funcionalidades técnicas de cada ferramenta e busque as que proporcionem imagens estáveis e com excelente qualidade.

 

3. Interação oferecida à audiência.

 

A interação deve ser fácil pra que sua audiência não tenha dificuldade de participar. 




Veja também:

 

5 Ferramentas que você pode usar na sua comunidade

5 comunidades de jogos eletrônicos que você precisa conhecer

Qual é a melhor ferramenta para gerir uma comunidade?

6 maneiras de trazer membros para sua comunidade

 

 

 

 

 

Gabriela Montezi
Gabriela é analista de marketing digital da CM School, apaixonada pelo mundo digital e por criar conteúdos.

 

 

Receba nossa newsletter semanal