A Jornada do Membro na comunidade

estratégia gestão liderança
carreira em comunidade

 

Na quarta-feira, dia 19/04, rolou o segundo CM & Friends do ano. Nesse meetup organizado pela comunidade de alunos da CM School, falamos sobre a jornada do membro na comunidade. 

 

Essa edição contou com mais de 130 inscrições e mais de 196 visualizações (YouTube e Linkedin). Tivemos uma média de 45 alunos assistindo a live durante 1 hora. Parece que gostaram, não é?

 

Contamos com a participação de 4 profissionais. São eles:

 

Alana Dias - CEO da HubDelas

Eid - Analista de Comunicação do Instituto Bom Aluno

Danielle Ludwig - Líder de Comunidade no Hub Innovativa

Rogério Rodrigues - Líder em Marketing Digital especializado em Comunidades

 

 

Nesse bate-papo, eles deram dicas sobre como organizar e administrar a jornada do membro na comunidade e compartilharam seus acertos e suas dores com o público. 

 

Falando sobre as dores, eles mencionaram quais são os problemas que enfrentam, ou já enfrentaram, na sua comunidade em relação aos membros.

 

A Eid, que trabalha em uma ONG de educação, começou falando sobre a dor que enfrenta na sua comunidade. 

 

Ela menciona que cada criança fica em torno de 12 anos sendo acompanhada pela ONG. Porém, quando essa criança cresce e vai pra faculdade, eles perdem o vínculo com a ONG e se desconectam involuntariamente da comunidade.

 

Pra que isso não aconteça, ela mencionou que eles estão buscando uma forma de trabalhar a jornada do membro, pra que eles cheguem na faculdade e mantenham um vínculo forte com a comunidade e possam ajudar os estudantes mais novos.

 

Danielle falou algo muito importante pra jornada do membro na comunidade, que é a atualização. 

 

Ela disse: “Estamos em um mundo muito próximo de informações, lidamos com pessoas de idades diferentes, as coisas mudam muito rápido… então, a gente olha pra comunidades online, você olha a estrutura e a jornada do cliente, onde esse cara para, onde ele está? Focar um pouco mais na estruturação disso e pensar: onde estão essas pessoas, o que elas gostam, como tem que ser a comunicação com essas pessoas, como é a jornada dele pra que ele volte?”

 

Falando sobre plataformas pra comunidades, Rogério mencionou no meetup: “A gente sempre tem que entender se faz sentido ter uma plataforma específica pra aquele tipo de público.”

 

Ele contou um pouco do que aconteceu dentro da sua comunidade em relação a ferramenta, confira!

 

“Eu tive uma questão de público na empresa onde trabalhei. A maioria do público tinha dificuldade de mexer na internet…muita gente não entrava  (na comunidade online) e não conseguia entender porque tinha coisas escritas em inglês. Então, eu percebi que estava criando mais dificuldade do que facilidade pra eles (os membros).”

 

Na hora de pensar na plataforma, devemos ter em mente o tipo de público e o que faz sentido pra eles. 

 

Também contamos com a participação do chat bem engajado no bate-papo e tirando suas dúvidas.

 

 

Outro ponto muito importante mencionado foi: saber o que a sua empresa quer, o que ela espera da comunidade, qual o objetivo da empresa.

 

Com isso em mente, Alana falou sobre a personalidade da comunidade. 

 

Ela falou: “O que me angustia é ver o que está acontecendo e você imitar isso na sua comunidade. Ah… comunidade tal está fazendo eventos, ai você vai lá fazer eventos, Ah… comunidade tal está fazendo meetup, então vai lá fazer meetup… mas assim, o que faz sentido pra personalidade da comunidade que você está criando?” 

 

Falando sobre o tema desse meetup, foi citado outro ponto importante pra Jornada do seu membro: levar o membro pro próximo nível.

 

Por exemplo, um dia o membro só vai está assistindo um evento online da comunidade, depois ele tem que estar participando de um evento online, fazendo perguntas. Depois, ele vai liderar e organizar o evento e por aí vai…

 

Então, você deve ter em mente qual membro que tem potencial e interesse em avançar, você deve mapear quem é, conversar com esse membro e trazer ele pra perto. 

 

Essas foram alguns dos assuntos e algumas das dicas que eles compartilharam sobre a jornada do cliente. 

 

 

Quer ficar por dentro de tudo o que rolou nesse meetup? Confira o vídeo abaixo:

 

 

Amanda Salim

Amanda é jornalista, especialista em comunicação digital e cofundadora da CM School.

 

Já pensou em criar uma estratégia de comunidade pra a sua marca?

Faça o nosso curso grátis