O que são as comunidades de aprendizagem

gestão inovação inspiração

Você já ouviu falar em comunidades de aprendizagem e como elas vêm crescendo com a pandemia? Elas têm um papel fundamental para reunir pessoas em torno de um objetivo comum: pessoas aprendem umas com as outras, compartilham desafios, resultados e até geram impacto social. 


Neste artigo vou te contar sobre as características das comunidades de aprendizagem, por que elas são importantes e seus benefícios.

Bora lá?

 

O que é uma comunidade de aprendizagem?

 

As comunidades de aprendizagem são espaços que conectam pessoas e organizações que estão ansiosas para aprender e trabalhar além das fronteiras físicas, ao mesmo tempo que mantém os participantes responsáveis por uma agenda, métricas e resultados.

Essas comunidades permitem que os participantes compartilhem resultados e aprendam uns com os outros. Algumas, inclusive, têm o propósito de impacto social.

Vemos as comunidades de aprendizagem como componentes essenciais para a construção de lideranças promissoras, conectando organizações filantrópicas, pessoas e empresas que compartilham os mesmos objetivos.

 

Expansão das comunidades de aprendizagem

Uma das primeiras comunidades das quais fazemos parte (além da familiar) é a sala de aula, formada por grupos de alunos sentados juntos em escolas ou organizações.

No entanto, esse conceito de comunidade física está mudando graças ao avanço das tecnologias, fazendo com que uma comunidade não seja designada apenas como um lugar presencial, e sim, com os conhecidos encontros virtuais pelos aplicativos como Google Meet ou Zoom.

 Com o avanço das tecnologias, é muito necessário aprendemos a usar os meio de comunicação para criar eventos para a sua comunidade, com isso, separamos um texto que vai facilitar muito na expansão da sua comunidade de aprendizagem.

 


                    Como criar eventos virtuais que engajem seus membros



Características das comunidades de aprendizagem

  • Conectar pessoas. Comunidades de aprendizagem reúnem pessoas para se conectar e compartilhar ideias e resultados para que aprendam uns com os outros, essa conexão pode ser presencial ou virtualmente.

 

  • Definem metas para medir o progresso coletivo. Os participantes se alinham em torno de objetivos e métricas comuns.

 

  • Permite o aprendizado compartilhado. As comunidades compartilham o aprendizado de experiências bem-sucedidas e mal sucedidas para aprofundar o conhecimento coletivo. Além disso, os membros se apoiam no dia a dia, o que é fundamental numa jornada de aprendizagem.

 

  • Apoia a liderança diversa. Estas comunidades permitem que seja oferecida uma ampla gama de papéis de liderança e oportunidades de desenvolvimento de habilidades.



Mas, afinal, o que uma comunidade de aprendizagem faz?

Os principais objetivos das comunidades de aprendizagem são incentivar e envolver os alunos além da sala de aula.

As comunidades de aprendizagem enfatizam as parcerias colaborativas entre alunos, professores e funcionários.

 

Comunidades de aprendizagem em tempos de crise


Conforme o avanço da pandemia cresceu e o fato de que  algumas pessoas (ao contrário de outras) puderam ficar em casa, o Brasil inteiro pôde ver de maneira gritante as desigualdades sociais na nossa sociedade.

Muitas pessoas passaram a enxergar tais problemas que, até então, não eram percebidos no cotidiano. Além disso, surgiram movimentos crescentes para buscar soluções que realmente pudessem mudar a vida daqueles que mais precisavam.

O projeto Papo Futuro nasceu assim, como uma comunidade de aprendizagem com a proposta de transformação social para alunos, professores e demais cidadãos.

O projeto contribui para a formação de futuros profissionais no Brasil, auxiliando alunos de diversas comunidades a não desistirem dos seus sonhos, oferecendo a cada um acesso à internet e dispositivos eletrônicos para que continuem ou voltem a estudar. 

 

Por que as comunidades de aprendizagem são importantes?

Ao fazer parte de uma comunidade, você tem a chance de fazer perguntas, falar sobre assuntos que considera confusos e trabalhar junto com seus colegas para aprender cada vez mais.

Os alunos que vivenciam um aprendizado mais social se conectam mais e tendem a se envolver mais dentro e fora da sala de aula. Assim, aumentam seu potencial de sucesso acadêmico, além de tornar o aprendizado mais dinâmico e prazeroso. 

Comunidades também são importantes para resolver problemas sociais complexos. Faculdades, escolas, empresas e instituições precisam de uma forte comunidade de aprendizagem que trabalhe para identificar estratégias de mudanças.

Elas compartilham resultados para descobrir o que funciona melhor, para quem e por quê. Essa abordagem fornece uma maneira altamente direcionada e eficaz para obter impacto em grande escala.

 

Algumas oportunidades para pessoas que participam de comunidades de aprendizagem. 

  • Experiências educacionais mais amplas;
  • Maior engajamento no processo de aprendizagem;
  • Desenvolvimento de habilidades acadêmicas e sociais;
  • Maior riqueza intelectual;
  • Pensamento mais crítico e uma visão de mundo mais empática com  abertura de ideias diferentes; (ser uma pessoa empática é um dos valores humanos essenciais para um bom relacionamento na sua comunidade) 
  • A capacidade de se conectar em diversos ambientes acadêmicos e sociais, gerando conexões e contatos relevantes.

 

É bom para toda sociedade

Além do desenvolvimento pessoal, as comunidades de aprendizagem contribuem positivamente no desenvolvimento da sociedade.

 Quais comunidades de aprendizagem você conhece ou gostaria de fazer parte?
Entre no nosso grupo do Telegram e tire todas suas dúvidas.

 

 

Emiliano Agazzoni
Emiliano é especialista em estratégias para comunidades e desenvolveu o primeiro curso e workshop sobre estratégias de comunidades do Brasil.

 

 

 

Receba nossa newsletter semanal