Retrospectiva 2021 e por que estamos formando a próxima geração de Community Managers

digital estratégia inspiração liderança notícias
community manager school

Final de ano chegou e, com ele, o momento para refletir, olhar para trás e analisar tudo o que aconteceu.

 

Eu faço isso todo ano, e você?


Este ano foi muito especial para mim e para toda a comunidade de Community Managers do Brasil. 


Você deve estar se perguntando por quê? 


Vou te contar aqui como foi o nosso ano, dale?


O ano de 2021 foi muito especial.


Foi o ano em que decidi colocar um nome, criar uma identidade e uma marca para tudo aquilo que comecei em 2019. 


Em maio de 2019 aconteceu o lançamento do 1º curso Community Management Strategy, o primeiro do tipo no Brasil.


Para você entender direitinho porque eu decidi criar esse curso e depois a CM School, você tem que entender o motivo por trás de tudo isso.

 

Criação do 1º curso do Brasil


Como comentei, foi o 1º curso exclusivo para Community Managers do Brasil. Até então, não existia nada do tipo no país e me arrisco a falar (porque até agora não encontrei) na América Latina.


Criei este curso porque os Community Managers me perguntavam o tempo todo sobre como criar uma comunidade, como aumentar o engajamento, como escolher a ferramenta certa e, apesar de eu dar dicas sobre como criar uma comunidade, táticas de engajamento, como desenvolver os rituais e acompanhar métricas, alguns Community Managers ainda sentiam dificuldade no dia a dia.


Mas então, o que era que estava faltando?


Uma estratégia.


Não basta aplicar técnicas de engajamento quando não se tem uma identidade forte na comunidade e você ainda não tem construído o senso de pertencimento. 


Foi por isso que surgiu o curso Community Management Strategy, que agora chamamos de Curso CMS.

 

 

Na foto sou eu com a 1º turma no dia 8 de maio de 2019 em Curitiba.


Eu precisava explicar para os Community Managers como construir uma estratégia.


Precisava ir além do engajamento.


Tinha que ultrapassar o entendimento sobre métricas ou escolha da ferramenta certa para sua comunidade.


Para construir uma estrategia de comunidade, os Community Manager precisavam saber com clareza qual é o objetivo da comunidade e por que as pessoas querem entrar na comunidade que eles gerenciavam.


Muitas vezes isso não estava claro. Nem eles sabiam. Nem os supervisores do Community Managers tinham clareza. Por isso precisava deste curso.


A realidade é que, no Brasil, 51% dos profissionais têm menos de 1 ano de experiência como Community Managers e 9% têm mais de 4 anos criando e gerenciando comunidades. Esta foi uma pesquisa que realizamos no começo do ano na CM School.


Em maio de 2019 o curso Community Management Strategy surgiu. Definimos, assim, o mês e ano de nascimento da CM School. Na verdade foi a semente que plantamos. A semente ainda estava germinando. Ainda precisávamos dar muito sol e água.

 

 

Na foto aparece a 2º turma de 50 alunos, realizada no dia 16 de maio de 2019, em São Paulo.

Em 2019 montamos 6 turmas, formamos centenas de alunos e comecei a fazer mentorias individuais após a conclusão do curso.


Só que não bastavam o curso, as atividades, o guia. Os Community Managers queriam mentoria também. Precisávamos bater um papo, tirar dúvidas, fazer questionamentos.

 

2020 chegou com turmas online, meetups e mentorias


Aí veio 2020, a pandemia e a crescente necessidade de criar mais soluções para as dores do Community Manager.


Assim, em junho de 2020 surgiu o CM & Friends, o meetup semanal exclusivo para 10 Community Managers para bater um papo sobre as dores da profissão e aproveitar para fazer networking.


Conseguimos executar 23 encontros em 7 meses. Em 2021 seguimos em frente e se somaram Lia Penteado, Kaku Defende e Alice Moura para ajudar com o meetup. 

 

 


Na sequência, o curso continuava acontecendo.

 

As turmas do curso aconteciam ao vivo, mas depois mudamos nossa estratégia para ser online e gravado on demand para cada aluno assistir no seu tempo com a possibilidade de fazer uma mentoria no final. Ainda estávamos em 2020.

 

O surgimento da marca Community Manager School

 

No final de 2020, depois 12 turmas e mais de 400 alunos formados, 23 meetups, e mentoria individuais, decidi que tinha que dar o próximo passo.

 

Foi aí, em dezembro de 2020, que tomei a decisão de criar a marca Community Manager School ou CM School, como já era mais conhecida.

 

Comecei a fazer brainstorming e fui compartilhando com a Amanda Salim, com a Lia Penteado e amigos empreendedores sobre a chance de construir uma marca que envolvesse todas as atividades que estávamos realizando com a comunidade de Community Managers.


A resposta foi muito positiva.


Todos me deram força para seguir. Para construir de fato a CM School.


Os dias de "Emiliano com os cursos" ficaram pra trás. Agora, se tratava de uma comunidade formal. A criação de uma marca iria dar ainda mais força e respaldo pra tudo o que estávamos construindo.


Porque, no final, é isso que o Community Manager precisa: respaldo e confiança e uma marca que traga autoridade para o assunto e o ajude a conquistar essa confiança dentro das empresas e organizações.


Virou o ano, chegou 2021 e lancei a Community Manager School.

 

 


A CM School é uma plataforma de educação, conteúdo, comunidade e tudo o que todo Community Manager precisa para começar a sua carreira, aprender a criar e gerenciar uma comunidade, encontrar um emprego, participar de eventos, meetups, mentoria e muito mais!

 

Muito coisa, né?


O mercado de Community Management tem muitas dores. Nós fomos criando várias soluções.


Saímos de cursos e meetups para uma plataforma completa.

 

A força da comunidade

 

E vou confessar algo para você.


Não é nada fácil.

 

Este trabalho de empreender, montar um negócio (porque a CM School agora é um negócio criado sobre uma comunidade), abrir caminhos para uma profissão que ninguém antes olhou é MUITO difícil. 


Mesmo que você tenha um sócio e uma comunidade por trás, a responsabilidade de construir, investir e tomar decisões pode ser muito solitário e esgotante, principalmente no início.


Mas aí entra a força da comunidade.


Nada disso foi construído por uma pessoa só. Sem alunos não se pode fazer +12 turmas.


Sem Community Managers participando dos CM & Friends, não poderíamos ter feito +35 encontros em 18 meses. 


A força da comunidade foi fundamental.


A apoio incondicional de muitos Community Managers, o apoio dos amigos, da família, fez com que esta historia fosse mais longe e por muitos anos.


E aqui todos os CNPJ que nos contratam têm um papel fundamental.


CNPJ???


Claro! As empresas que contratam as mentorias, as consultorias, as minhas palestras, workshops e pedem para ajudar na construção da estratégia de comunidade. 

 

 


Essa empresas - junto com os alunos que compram o curso - são os principais investidores da CM School. Muchas gracias a todos eles!

 

A nova identidade da CM School


Nesse processo de olhar pra marca, Amanda Salim decidiu entrar no negócio.


Ela tem um papel fundamental de inteligência e carinho para o negócio que fazem toda a diferença. Seja tomando decisões como sócia, seja como editora de todo o conteúdo, seja abrindo sua rede de conexões para chegarmos a mais pessoas. Esse apoio tem sido um diferencial na escala de toda nossa proposta de valor.

 

 

Foi com a Amanda que decidimos contratar uma agência para nos ajudar com design e branding.


Aí entra nosso parceiro BR Soul.


A BR Soul é uma agência de branding e comunicação que criou e guiou o processo de construção da nova marca e identidade visual da CM School.

 

Se você se lembra bem, começamos com um logo preto e branco em janeiro de 2021 e foi só em agosto deste ano que lançamos a nova identidade da marca.

 

Nosso produto estava acertado. Tínhamos curso (que decidimos atualizar), mentorias, meetups e muito conteúdo. A marca estava sendo desenvolvida e iria dar uma cara nova a tudo isso.


Agora, faltava decidir sobre a plataforma.


"A plataforma" que usávamos no começo era uma combinação de Zoom e hospedagem num fórum. Foi bacana para testar, mas agora tínhamos que dar o próximo passo.


Foi aí que Amanda e eu decidimos investir numa plataforma que melhorasse a usabilidade, a forma de apresentar os conteúdos e também ofertasse um aplicativo mobile pros nossos alunos.

 

CM School é uma EdTech selecionada no Learning Village, o hub de inovação da SingularityU Brazil + HSM.

 

Nesse meio tempo fomos selecionados para ser residentes do Learning Village, o hub de Singularity University Brasil e HSM.


Começamos (e começaram) a nos enxergar como uma empresa startup e educação. Estar no Learning Village abriu muitas portas pra nós. Isso se traduziu em acesso a parceiros, novos alunos, clientes e possibilidades de negócios e escala.

 

 

 

Na foto somos o Adilson Souza da CM School e no meio o Álvaro Machado, COO do Learning Village e SingularityU Brazil.


No hub existe um estúdio de gravação da Vibra, uma empresa do grupo Band.
Aí eu pensei: "Bora regravar o curso num estúdio 4K e vamos relançar a marca com tudo novo: plataforma, cursos e nova identidade".


Compartilhei com a Amanda, nos pareceu o correto a ser feito e, juntos, embarcamos nessa!


Learning Village e Vibra foram ótimos parceiros de tecnologia apoiando a CM School no processo de gravação do novo curso num estúdio totalmente equipado e com ótimos profissionais.


Este novo curso podia ser ministrado só por mim.


Mas não. Precisávamos incorporar novos ingredientes.


Esses ingredientes foram alunos e convidados especiais.


Foi uma experiência incrível.


Convidamos a Lia Penteado, da Gama Academy, Caio Infante, da Radancy e Employer Branding Brasil, Phillipe Soares, da Talk and Talk, Vanessa Bulhões, da BrandGym e Gabriela Godoi, da Comunidade Cisco Português.

 

 

 


O resultado foi um curso de 10h com cases brasileiros e latino-americanos. Algo inédito no Brasil e na América Latina!!


Além do curso, os alunos têm acesso a uma biblioteca premium onde ficam disponíveis as mais de 13 horas extras de aulas ao vivo com especialistas e mentorias em grupo.


Vale ressaltar que todos nossos vídeos do Curso CMS e os vídeos do YouTube são editados pelo Guilherme Freitas, nosso parceiro vídeo maker, fruto de uma parceria com Olhar de Bia.

 

Agora preste muito atenção.


Não existe plataforma no mundo (sim, no mundo!) com a quantidade de conteúdos que tem a CM School - ainda mais com este nível de qualidade.


Não quero soar arrogante. É para valorizar o que é nosso. Esta construção é 100% brasileira (e argentina, rsrs).


Uma empresa que criou um respaldo técnico pros profissionais.


Uma comunidade de Community Managers que aproveita cada pedaço da CM School para formar a próxima geração de Community Managers do Brasil.


Ter cases de comunidade locais é algo inédito. Ter alunos formados, que já aplicaram as estratégias que ensinamos lá atrás e agora chegam para formar novos alunos, é algo que tem muito valor para o mercado, para a comunidade e para o processo de aprendizado do próprio Community Manager.


Esta chance só existe na CM School.


E a CM School é da comunidade.


Ela não seria nada sem a força da própria comunidade.

 

A maior biblioteca de conteúdo gratuito do mundo, exclusiva para Community Managers.



Durante toda esta jornada, descobrimos que quem comprava o curso era o Community Manager ou gerente de área que precisava montar uma comunidade e sua necessidade era para agora. A dor estava latente. O curso e as mentorias resolviam muito bem.


E quem era curioso? E quem queria dar uma olhada no assunto sem precisar comprar o curso?


Decidimos ir além de eventos, meetups, podcasts e artigos no blog.

 

Foi nesse momento que decidimos montar a Biblioteca Gratuita para que as pessoas começassem a ter uma referência sobre conteúdos para Community Managers. 


Já são 34 horas de conteúdo completamente gratuito.

 

 

 

 

 

 


São e-books, aulas, podcasts, gravações de eventos e meetups, mini aulas, masterclass, artigos de referências criados pelos alunos da comunidade e muito mais!!


56 conteúdos riquíssimos até o dia de hoje!


5 novos membros entrando na biblioteca todos os dias.

 

Precisamos de mais pessoas no time

 

Alunos novos entrando toda semana, empresas contratando pacotes do curso para treinar seus times, novos parceiros entrando para apoiar com eventos e meetups....ufa! A coisa começou a ficar grande!

 

Precisávamos de time.

 

Foi então que decidimos trazer para o time o Adilson Souza para cuidar do marketing e conteúdo e construir um blog fantástico junto com a Amanda Salim.

 


 

Até o final deste ano teremos 100 artigos publicados!!!


Isto é valor pra toda a comunidade de Community Managers.

 

Em dezembro, formalizamos a entrada do Elias Albarello Barquete, que vai assumir a posição de CFO da CM School. Além de toda a experiência liderando áreas financeiras de grandes empresas, o Elias vai trazer pra cá sua rede de contatos internacionais. 

 

Números de 2021

 

Atingimos o total de 580 alunos formados, incluindo as 12 turmas (os novos alunos deste ano somados aos alunos corporativos de empresas e organizações como SebraeLevelUp (do grupo Tencent), Olhar de Bia, e Papo Futuro.

 

 

 

A biblioteca gratuita está chegando em 520 membros em 4 meses. 

 

Estamos impactando mais de 1.100 pessoas.


Estamos ensinando estratégias de comunidades para o mercado.

 

No total, até final de 2021, fizemos:

+ 35 meetups CM & Friends em 18 meses.

+ 420 pessoas impactadas nesses encontros e,

+ 400 horas de discussão entregues gratuitamente para a comunidade.


Além dos meetups fizemos:

+ 30 episódios de podcast: Comunidades do brasil.

+ participamos em 50 eventos em 3 anos.

+ 14 palestras só em 2021.

+ 13 lives.

+ 33 newsletter.

+ 100 artigos no blog.


Além do curso CMS, os alunos tiveram acesso a:

+ 13 horas extras de aulas.

+ 10 horas de mentoria em grupo. No total, foram 32 horas entregues.

+ 14 facilitadores formam parte do time da CM School.


12 empresas que já contratam nossos serviços de maneira recorrente.


Chegamos em 73 horas de conteúdos exclusivos sobre Community Management. Isso nos converte na maior plataforma do mundo para Community Managers.


Tudo isso, Made in Brazil!

 

 

 

E o que mais?!


Como se tudo isso fosse pouco, decidi criar um mini encontro exclusivo para 20 pessoas que, no ano passado aconteceu em 22 de dezembro. Os alunos tiveram a oportunidade de se conhecer em 3D (rsrs, piada da Marina Zavanella, aluna e membro da comunidade).


Foi um momento para confraternizar com todos os cuidados devidos e protocolos de saúde, além de fazer networking entre os alunos da CM School.


Muitos deles residentes de São Paulo. Outros viajaram de Porto Alegre, Salvador e Rio de Janeiro.


Veja que lindo retrato guardamos para a historia desta bela comunidade... Uma geração de Community Managers está se formando, construindo cases, mudando o rumo da estratégias das empresas através das comunidades que criaram.

 

 

Gracias, gracias, gracias a toda la comunidad!!


Por aqui continuamos firmes...


....continuamos firmes no nosso propósito. Seguimos formando a próxima geração de Community Managers do Brasil.



Emiliano Agazzoni
Emiliano é fundador da Community Manager School e o maior especialista em estratégias para comunidades do Brasil. 

Receba nossa newsletter semanal