Saiba tudo sobre as Comunidades de Jogos Online (ou Comunidades Gamers)

cultura digital engajamento inspiração planejamento
Comunidade jogos onlie

O que são, como se comportam os membros e quais são os principais desafios no dia a dia de um Community Manager que gerencia uma comunidade de jogos online.

 

Neste blog temos falado muito sobre comunidades de marcas e negócios (ou brand communities), mas a verdade é que existem diferentes tipos de comunidades.

Algumas têm suas peculiaridades, como as comunidades dedicadas aos fãs de games. Neste artigo vamos falar sobre isso.

De acordo com o Esports Charts, além do pico de 4 milhões de pessoas nas streams da final, o Worlds 2021, o campeonato anual de League of Legends, teve uma média de 1.2 milhão de espectadores. Os maiores números da história deste mundial, segundo os dados consolidados pela Esports Charts desde 2016.

 


Por que você acha que Mark Zuckerberg decidiu se transformar no Meta? Será que os jogos online vão impactar tanto assim a vida das próximas gerações?

Cada dia mais vemos plataformas de games surgindo e até plataformas de comunidades com estratégias de gamificação embutidas para engajar seu público.

Mas nem tudo é tão bonito nestas comunidades…

Um dia, um aluno, que prefiro manter no anonimato, me falou o seguinte: "As comunidades de gamers são muito tóxicas. É muito difícil gerenciar uma dessas".

Era o que eu precisava ouvir… A partir de agora você vai encontrar neste blog muito mais conteúdo com as melhores práticas do mercado para gerenciar comunidades de gamers ou jogos online.

O que veremos neste artigo de hoje:


1. O que é uma comunidade de jogos online ou gamer.

2. A cultura gamer.

3. Diferença entre jogos online e e-Sport.

4. Qual é o perfil dos membros em comunidades de jogos online.

🕹️BÔNUS EXTRA

5 comunidades gamers que você precisa conhecer.

 

1. O que é uma comunidade Gamer?

 

As comunidades de jogos online compartilham várias coisas em comum. 

Eles se encontram em plataformas virtuais como Hangout, Discord ou fóruns exclusivos para jogadores, e é lá que as pessoas compartilham interesses e se divertem com os jogos que amam.

No sentido mais amplo, uma comunidade de jogos é uma comunidade online centrada na interação através do jogo. E cada jogo tem a sua própria comunidade com membros bem definidos. 

A principal razão para ter uma comunidade centrada em um jogo é que a experiência dos seus membros seja enriquecida.

De comunidades de jogos online para um jogo específico (como Rocket League), às comunidades globais de jogos em larga escala (como o Xbox Ambassadors), você vai descobrir que as comunidades de jogos online tendem a ser muito diversas.

 

 

Nessa diversidade, você vai entender que tipo de ações você pode realizar para fazer parte de uma comunidade online ou quais ações devem ser tomadas para criar sua própria comunidade.

Se você gosta de participar de eventos no jogo com seu esquadrão de Destiny, trocar mercadorias no jogo com outros membros da guilda em World of Warcraft, ou apenas quer crescer e criar a fazenda mais épica em Farm Together, há comunidades de jogos online em todos os lugares que você busca.

 

 

O escopo pode ir além das comunidades em cada jogo. 

As comunidades de jogos online podem variar entre interações online relativamente pequenas a grandes atividades de rede que podem incluir redes de clãs, fóruns online, sites de ligas de jogos e até programas dedicados.

 

2. A cultura gamer

 

A cultura dos videogames é uma subcultura mundial de novas mídias formada por jogadores de videogame.

Como os videogames aumentaram exponencialmente em popularidade ao longo do tempo, eles tiveram uma influência significativa na cultura popular. 

 

 

A chegada da Internet e a crescente popularidade dos jogos para celular também contribuíram com a evolução da cultura gamer. 

Muitas pessoas que jogam videogames se identificam como gamers, o que pode significar qualquer coisa, desde alguém que gosta de jogos até alguém realmente apaixonado, que vive pra isso todos os dias. 

 

Já viu por aí canecas, artigos de livraria e decoração do Mario Bros? É um exemplo de como a cultura gamer se insere na sociedade.

À medida que os videogames se tornam mais sociais, com capacidade para multijogadores e online, os jogadores se encontram em redes sociais que só aumentam por aí.

Tudo isso sem falar que jogar videogame pode ser tanto entretenimento quanto competição, pois os esportes eletrônicos (e-sports) já se difundiram entre os game lovers com um quê de competitividade…

 

3. Diferença entre Jogos Online e e-Sports


Em geral, jogos online são mais casuais ou podem ser mais focados em experiências individuais, em tramas ou gamificados como aqueles de modo campanha ou histórias.

Alguns exemplos são Dead Island e Call of Duty.

 

 

Já os e-Sports são competitivos por natureza.

São sempre jogos com a opção multiplayer que contam com modo "versus", possibilitando a competição entre jogadores que podem, inclusive, formar times.

Em muitos casos existem até times profissionais (ver foto), daí o nome de esporte online ou e-sports.

 

 

Outra característica de jogos online definidos pelo entretenimento é que contemplam jogadores dos mais diversos níveis e idades.

Já os e-sports tendem a ter uma comunidade de jogadores bastante seletiva, sendo necessária muita prática e estudo para se qualificar e ascender entre os melhores. 

Aqui está uma das características que trazem um bom desafio para o dia a dia do Community Manager: os diferentes perfis de jogadores e como gerenciar cada um deles.

No mundo dos e-sports existem times profissionais e ligas com finais a nível global que são assistidas em grandes eventos presenciais e virtuais. 

Alguns jogadores profissionais chegam a passar mais de dez horas diárias melhorando suas habilidades de jogo. São táticas e habilidades técnicas que são aprimoradas com horas de prática e estratégias específicas para cada nível do jogo.

Muitas empresas globais que enxergaram oportunidades na crescente popularidade dos jogos online se tornaram patrocinadoras, financiando a profissionalização dos jogadores que se destacam, ajudando na formação de equipes, contratação de influencers e a promoção de torneios locais e globais.

 


No ano passado, a marca Hollister contratou o Bugha com o cargo de Chief Gaming Scout. Ele foi o campeão do Fortnite em 2021.

 

4. Qual é o perfil dos membros de uma comunidade de jogos online? 

 

Nas comunidades dos jogos mais competitivos ou aqueles com uma grande marca por trás, existem diferentes personas que formam parte da comunidade geral do jogo.

Há os jogadores, os desenvolvedores do jogo, os criadores de conteúdo. Cada um deles têm características diferentes.

É natural que, no dia a dia da comunidade, o Community Manager se depare com uma desconexão entre os desenvolvedores e seu público-alvo. 

Este é frequentemente o caso de alguns jogos, chamados também de "estúdios de jogos AAA" (um estúdio considerado AAA é de alta qualidade ou está entre os melhores jogos do ano) que são acusados ​​de lucrar e não ouvir seus jogadores. 

Quer saber mais? Te recomendamos o episódio de Behind The Game Podcast com Thiago de Freitas, CEO do estúdio Kokku (de Recife). Este estúdio é uma empresa brasileira referência mundial em desenvolvimento externo tendo atuado em grandes jogos como Call of Duty, Horizon Zero Down e Sniper Ghost Warrior.

 

Estúdio brasileiro nos jogos AAA: o início da Kokku - Produção de Jogos

 

É hora de começar a ver sua comunidade não apenas como um lugar para os jogadores interagirem, mas também como uma plataforma para desenvolvedores e editores construírem relacionamentos com seus jogadores.

Isso vem com o conhecimento de quem é seu público - e é também por isso que o conceito "feito por jogadores para jogadores" é importante para muitos players.

No fim das contas é aí que reside o verdadeiro significado de uma comunidade.

Durante a recente (e atual) pandemia global, um dos jogos que mais cresceu foi o Roblox,  que na verdade é um plataforma que permite que os jogadores criem seus próprios jogos e ambientes virtuais.

 

 

Isto aumentou o engajamento dos jogadores mais casuais e os transformou em verdadeiros fãs dos jogos que, hoje, são promotores de algumas marcas globais.

Quem não conhece uma criança/adolescente apaixonado por Roblox que, em todas as datas comemorativas, pede Robux (a moeda utilizada na plataforma) de presente? 

Aqui vamos tratar de cinco personalidades ou personas que você encontrará em qualquer comunidade de jogos online.

 

A) Os jogadores casuais

 

Todos os jogos online têm seus jogadores casuais.

 Alguns jogos online consistem quase que exclusivamente de jogadores casuais, o que pode tornar mais desafiador incentivar a interação regular com sua comunidade. Aqui, o Community Manager deve usar diferentes táticas de engajamento.

Os jogadores casuais são aqueles que jogam por diversão e não estão interessados ​​em competições, jogar por horas a fio ou até mesmo sair nos fóruns. 

 

 

Estes jogadores começam a se interessar por competições e participam de jogos multiplayer online com outros jogadores de diferentes partes do mundo, mas sem entrar em fóruns ou, por exemplo, num grupo do Discord.

O Community Manager deve guiar o jogador casual para entrar nas comunidades da maneira mais confortável possível. 

É por isso que World of Warcraft, por exemplo, se distanciou nos últimos anos da elite hardcore para construir uma comunidade que consiste em jogadores mais casuais e descontraídos.

Este perfil cresceu muito durante a pandemia e com o desenvolvimento de novos jogos mobile.

 

B) Os Theory Crafter (ou criadores de teoria)

 

Este tipo de jogador é muitas vezes comparado com os ​​​​jogadores hardcore. Os Theory Crafter (criadores de teoria) estão entre os jogadores mais dedicados de todas as comunidades de gamers.

O Community Manager deve ficar muito esperto com este perfil de jogador.

Eles são comumente encontrados nos jogos multiplayer massivos que priorizam a progressão acima de tudo e não têm um final de jogo no sentido tradicional. 

 

 

Eles geralmente têm mentes analíticas e são profundamente fascinados com a mecânica do jogo, desenvolvendo estratégias em torno delas. 

Os Theory Crafter são frequentemente acusados de serem um pouco arrogantes e preferirem não manter contato com os demais jogadores. 

É por isso que nem sempre é fácil acomodar estes dois tipos de jogadores em sua comunidade. 

Por outro lado, se abordados com cuidado e incentivados a se misturar com jogadores de outros tipos, eles também podem se tornar valiosos defensores dos jogadores da marca.

 

 C) Os Thinkerers (criativos)

 

Enquanto a maioria dos jogadores gosta de jogar, outros gostam mais de trazer alguma criatividade ao jogo.

Esses são os jogadores que querem deixar sua própria marca nos jogos que amam, desenvolvendo seu próprio conteúdo ou encontrando maneiras inovadoras de progredir. 

Nem todos os jogos atraem estes criativos, mas aqueles que o fazem melhoram muito a jogabilidade.

O Community Manager pode se aproveitar muito deste perfil e trazer inovações para a marca do jogo.

Um bom exemplo é ARK: Survival Evolved, um jogo multiplayer que incentiva fortemente o desenvolvimento de conteúdo gerado pela comunidade por meio de seu programa de modding patrocinado e vitrine da comunidade.

 

 

Modding se refere às mudanças efetuadas num software ou hardware de um jogo com o intuito de criar uma nova versão do mesmo.

Outro exemplo é a plataforma Roblox (na foto) com seus jogos online, como mencionamos anteriormente.

 

D) O jogador profissional

 

Os e-Sports se tornaram algo muito grande e estão nos holofotes das estratégias de marketing de grandes marcas, gerando novos influenciadores e criando tendências de moda e consumo.

São muitos os gêneros que atraem jogadores profissionais, não apenas jogos multiplayer. 

Desde os jogos de corridas rápidas até os jogos competitivos a estilos alternativos e tutoriais feitos por jogadores, o jogador profissional é o jogador mais valioso que qualquer estúdio pode ter.

A coisa mais importante a lembrar sobre os jogadores profissionais é que eles estão entre seus maiores influenciadores. 

 

 

Estas são as pessoas com grandes seguidores. Estes jogadores têm o poder de trazer seu jogo para as massas. 

No topo do espectro, eles são os YouTubers com milhões de seguidores dedicados, como PewDiePie (no foto), Markiplier e Vanoss Gaming.

 

 E) Os trolls (provocadores)

 

O mundo dos videogames enfrenta um desafio com este perfil - os provocadores. O Community Manager precisa ficar de olhos bem abertos em cima destes jogadores.

Eles buscam a atenção dos jogadores hardcore que pensam que são melhores do que todos os outros. Este perfil tem a capacidade de dar um nome ruim ao seu jogo. 

 

 

São eles que precisam ser “lapidados” para que não afastem outros jogadores. A saúde da comunidade está diretamente relacionada ao comportamento deste perfil de jogador.

Lidar com troll é uma questão complexa, principalmente porque existem muitos tipos de trolls.

Aqui, o Community Manager deve ter jogo de cintura e começar a identificar o comportamento dos diferentes jogadores e decifrar em qual perfil cada um deles se encaixa para atuar na raiz do problema e/ou fortalecer o engajamento no caso de perfis saudáveis.

Muitas vezes, as pessoas provocam sem saber ou mesmo sem querer. 

A moderação peer-to-peer ou one-to-one (diretamente com o troll) e a gamificação dos seus fóruns podem ajudar a mantê-los sob controle, mas sempre haverá momentos em que os moderadores da comunidade precisam intervir antes que as pessoas saiam do controle.

 

Está curtindo do artigo até aqui?

 

Chegamos na parte final com o nosso bônus para você entrar em cheio nas comunidades dos gamers.

 

🕹️BÔNUS EXTRA

 

5 comunidades que você deve conhecer e acompanhar

As comunidades de jogos online estão em todos os lugares, mas se você estiver interessado em fazer parte de uma ou simplesmente conhecer mais do assunto, veja esta seleção que preparamos para você:

 

Reddit


Nenhuma lista desse tipo estaria completa sem o Reddit: a comunidade das comunidades.

Com mais de 25 milhões de assinantes, o subreddit (que são comunidades dentro da plataforma Reddit) r/gaming é, como descrevem no site, “para (quase) tudo relacionado a jogos – videogames, jogos de tabuleiro, jogos de cartas etc. (mas não esportes)”.

Talvez eles tenham que modificar essa descrição em breve por causa dos e-Sports!.

 

 

Debates esportivos à parte, este tópico do subreddit oferece inúmeras oportunidades de discussão para todos os videogames, mas tradicionalmente de uma forma mais divertida, com muitos compartilhamentos de memes e tópicos semanais, como "O que você está jogando nesta quarta-feira?".

Os jogadores migram para o subreddit em torno de lançamentos de novos jogos ou grandes eventos da indústria para contar histórias e compartilhar piadas de seus primeiros esforços em um novo jogo, um encontro engraçado ou realmente qualquer outra coisa que outro jogador possa apreciar. 

Existem vários outros subreddits (sub domínios dentro da plataforma) sobre jogos também como r/pcgaming, r/Gaming4Gamers, r/GirlGamers (ver foto abaixo), r/leagueoflegends, r/Zelda e muitos mais. 

 

 

Se tem um jogo do qual você gosta bastante ou um grupo específico de jogadores com quem você gosta de papear, provavelmente há um subreddit para te acompanhar.

 

Discord


Discord
é um aplicativo gratuito e bem interessante de bate-papo por voz e texto projetado especialmente para comunidades de jogos. 

É compatível com vários sistemas operacionais, incluindo Windows, macOS, Android, iOS, Linux e navegadores da web. 

Você pode enviar texto, vídeo, áudio e imagens para outros usuários pelo canal em tempo real durante a reprodução. 

 

 

O benefício social adicional é muito positivo, pois fica mais fácil jogar com amigos que estão em outras cidades, estados e fusos horários. Vocês sentem que estão todos no mesmo lugar.

Você pode entrar numa comunidade (ou servidor, como eles chamam) ou simplesmente pede para um amigo que joga com você te passar o Discord para bater um papo por mensagem direta, sem necessidade de entrar numa comunidade específica.

Se você joga vídeo game e quer fazer amigos, o Discord é uma ótima opção para você.

Ou se você é Community Manager e quer entrar no mundo dos games, comece agora baixando e entendendo como funciona esta magnífica plataforma de comunidades.

 

Xbox Ambassador ou Embaixadores da Xbox


Você tem esse console de jogos?

Existem os embaixadores do Xbox, que têm como missão tornar os jogos divertidos para todos de maneira personalizada.

 

 


Se você gosta de ajudar os jogadores a fazer seu console funcionar novamente, ensinar seu irmão mais novo a usar seu primeiro Xbox ou apenas conversar com outras pessoas compartilhando seu aspecto favorito sobre um jogo específico, você está ajudando a comunidade Xbox, então, te recomendamos entrar na comunidade de embaixadores da marca.


VRG (o fórum dos gamers)


Parte do site mais amplo de notícias e guias de jogos do VGR, os fóruns são acolhedores e abrangentes. 

Eles têm espaços para jogos em geral, notícias de jogos e videogames, discutem coisas como os pensamentos dos jogadores sobre a violência dos jogos e sua conexão com a vida lá fora, os videogames mais antigos que os jogadores lembram de jogar e os filmes que os jogadores gostariam que fossem transformados em jogos. 

 

 

Mas o site também tem quadros para ofertas de videogames, e-sports e jogos competitivos, leilões e uma das coisas mais bonitas pra mim - um quadro de apresentações para novos membros. Essa galera realmente pensou em tudo. Sou fã.

 

Steam


A plataforma Steam Community é um subconjunto do site e empresa Steam, que é o serviço de distribuição digital de videogames da gigante de jogos Valve (é só pensar em Half-Life, Dota 2, Counter-Strike, etc). 

Destino final para jogar, discutir e criar jogos, o Steam é ótimo para todos, mas principalmente para aqueles que são fãs de jogos da Valve. 

 

 

 

O site é objetivo e tem seções para tudo: notícias do setor, guias de jogos, resenhas, ilustrações de jogadores, transmissões de jogos ao vivo, vídeos em jogo de usuários ​​e até itens de oficina de iniciantes a designers profissionais. 

Na semana passada, o Steam atingiu um número recorde de usuários no site ao mesmo tempo, chegando a 20 milhões - mais de 6 milhões dos quais estavam jogando ativamente.

 

Que tal essas dicas? 

 

Fique ligado nosso blog que nos próximos artigos vamos falar mais sobre o perfil destas comunidades e suas peculiaridades.

 

O Community Manager deve aprender a gerenciar com uma estratégia assertiva trazendo felicidade para os jogadores e retorno positivo para a marca do game.

 

Até mais!

 

Emiliano Agazzoni
Emiliano é maior especialista em estratégias para comunidades do Brasil e desenvolveu o primeiro curso e workshop sobre estratégias de comunidades do país antes de fundar a Community Manager School.

 

 

Receba nossa newsletter semanal