Você é um fã ou advogado de marca?

cultura inspiração

Muitas pessoas estão acostumadas a ouvir o termo "fã", mas quando se fala em advogado de marca, parece algo ligado ao âmbito jurídico. Calma que vamos explicar.. Essas duas denominações têm algumas particularidades que as diferenciam entre si. Bora saber mais?

 

Vamos começar com um exemplo. Com certeza você tem aquele tio(a) que ama futebol ou outro hobby e não pode perder um jogo. Essa pessoa tem todas as roupas do seu time preferido, e vive fazendo churrasco para comemorar mesmo sem ter ganhado. Este seu tio (ou tia) é um advogado (ou advocate, em inglês) de uma determinada marca e não apenas um fã.

 

Copa Torcedor GIF - Copa Torcedor Grito - Discover & Share GIFs

 

Um é aquele familiar que até assiste às partidas de futebol, mas fica com raiva do seu próprio time quando ele perde ou quando seu jogador preferido não está em campo, ao contrário do advogado da marca, que defende seu time com unhas e dentes mesmo na derrota.

Com isso em mente, vamos explicar as principais diferenças entre os dois dentro de uma comunidade, suas vantagens, desvantagens e outras curiosidades.

 

1. Os advocates são seus membros mais fiéis

 

Students giving five Free Photo

 

Como mencionamos acima, um advogado de marca tem um papel fundamental dentro da sua comunidade porque ele é aquele tipo de pessoa que recomenda sua comunidade, clube ou marca para todas as pessoas com as quais ele conversa. Isso cria um compromisso com a comunidade, comprovando que ele realmente gosta de pertencer àquele lugar e valoriza tudo que acontece ali.

 

2. Os advocates não apenas torcem, mas entram na competição com você.

 

Beyoncé é agarrada por fã no Morumbi; público registra o susto em vídeos e  GIF animado | VEJA SÃO PAULO

 

Os advogados da comunidade são seus membros mais comprometidos.

Eles realmente entram na competição com você. Sabe aquela frase “quem está na chuva é para se molhar”? Pois é, eles levam bem a sério.

Quando você está disposto a ser um membro de alguma instituição, você realmente precisa mostrar interesse. Isso é ser um advogado da marca: dar ideias de como melhorar processos no dia a dia das pessoas, como oferecer os produtos e espalhar mensagens positivas sobre a comunidade.

Outra característica é ser uma pessoa muito presente. Seja em eventos online ou presenciais, os advocates não faltam. Eles querem e sentem que precisam estar ali.

 

Vantagens de ter advogados da marca na sua comunidade

  • Você vai sempre poder contar com ele. 
  • O advogado da marca conhece muito bem a sua comunidade e vai indicá-la para muitas outras pessoas.
  • Ajuda a melhorar a reputação da marca.   

 

Como transformar fãs em advogados da marca?

 

Seguindo essas etapas você vai conseguir fazer essa transformação valiosa que certamente acrescentará muito na sua comunidade ou empresa.

 

  • Seja transparente 

Problemas sempre acontecem e seus maiores fãs precisam estar cientes disso. Por outro lado, é importante que eles tenham um tratamento especial para que o dia a dia seja mais tranquilo, sem grandes intercorrências. Assim, você garante que a experiência deles seja a melhor possível, mesmo eles sabendo que, sim, problemas sempre irão acontecer". 

  • Dê ao fãs um tratamento vip

Qual tipo de pessoa não gosta de se sentir apreciada?

Fãs amam ser bem recepcionados com tratamento individual, faça isso que com certeza você terá um grande número de pessoas defendendo e espalhando mensagens positivas para as pessoas ao redor.

 

  • Tenha um grupo para aproximar os fãs e advogados da marca

 Não é novidade que atualmente grupos em aplicativos como Whatsapp ou Telegram facilitam muito a troca entre pessoas que são fãs das mesmas coisas.

Faça grupos para sua comunidade e envie conteúdos relevantes e recorrentes para que eles possam ficar por dentro do que acontece e tenham convivência. Isso é essencial para transformar fãs em verdadeiros advogados da sua comunidade ou empresa. 

 

Como você pode perceber, são pequenos comportamentos que diferenciam um fã de um advogado da marca. O mais importante é a maneira como eles apresentam sua comunidade - o que tem tudo a ver com engajamento.

Conseguiu perceber a diferença? Caso tenha ficado alguma dúvida, entre no nosso grupo do Telegram que a gente te ajuda!

 

Abraço virtual!

Emiliano Agazzoni
Emiliano é especialista em estratégias para comunidades e desenvolveu o primeiro curso e workshop sobre estratégias de comunidades do Brasil.

 

 

Receba nossa newsletter semanal